Friday, January 27, 2017

Experiencia com jiu jitsu na Praia da Costa em Vila Velha ES

Minha experiência com jiu jitsu em Vila Velha em 2012...
Durante um tempo em minha vida estive fui covardemente atacada pelo ódio da stigma, do preconceito e do machismo numa escola? (Des-escola seria mais apropriado!) de Lutas Vitoria "Bullying e Preconceito" Club da Praia da Costa em Vila Velha, que passou a me difamar e me agredir psicologicamente, verbalmente e moralmente por causa das minhas próprias escolhas e decisões que nunca prejudicaram ninguém. A mesma escola teve dois alunos presos por crimes, crimes de covardia que SIM prejudicaram outras pessoas e estes receberam apoio total moral e mensagens de amor e carinho. Seria mais digno cometer crime contra a vida de outras pessoas na concepção deles ali?

No meu caso que não cometi crime nenhum contra nenhum ser humano, nenhuma atividade ilegal, nenhum dano ao próximo e em troca recebi ódio, preconceito, agressões verbais. Viajar para o Rio de São Paulo todo mês patrocinada pelo meu próprio dinheiro e correria e lutar os maiores eventos de jiu jitsu do Brasil causava um certo incômodo e desconforto ali, já que nem os professores ali tem a faixa reconhecida pela Confederação Brasileira de Jiu Jitsu, assim seus alunos eram limitados a lutar somente as copas rococó locais, que para mim são circo e deixam a desejar do que é um verdadeiro campeonato de jiu jitsu. Hoje vejo alguns dos poucos alunos que ali treinam fazendo exatamente o que eu fazia a anos atrás, mas hoje não são humilhados por isso.

Era insultada por ser mulher e independente e pagar minhas contas em dia inclusive a mensalidade e o salário daqueles desgraçados que me insultaram. Resisti e hoje estou aqui auxiliando outras pessoas com a minha escrita. E vejo o quanto o preconceito atrasa a vida das pessoas. Não foi nada fácil superar, mas superei, e sou mulher suficiente para fazer minhas próprias escolhas e bancar meus sonhos que são muito caros.
Hoje eu treino numa das maiores escolas do mundo, as custas do meu próprio dinheiro numa das maiores cidades do mundo e tenho uma lenda viva como mestre. O mundo dá voltas e meus sonhos eram grandes demais para a capacidade mental e mediocridade daquelas pessoas, que estão exatamente no mesmo lugar, ganhando muito mal, diga-se de passagem, que vivem presas a suas vidinhas medíocres e seus preconceitos. Não me prejudicaram, pelo contrario, me motivaram a ser cada dia melhor e ir cada vez mais longe. Hoje vejo o quanto meus sonhos eram grandiosos perante aquelas pessoas. Pega o seu preconceito, enrola e enfia no #$#$$%.
" Se os invejosos soubessem como me inspiram, certamente estariam do meu lado.."